sábado, 26 de fevereiro de 2011

O primeiro


A primeira isca, fui eu quem joguei. E fiquei de longe esperando você chegar. Acho que você nunca soube. É incrível como depois de tanto, de tudo que passamos juntos e separados, ainda tenhamos destes pequenos segredos. Um primeiro jornal. Depois uma primeira carta. Depois outras tantas. Esta noite sonhei com você. Acordei pensando se você, alguma vez, sonhava comigo. Eu tentava lhe dizer algo. Eu sempre tento lhe dizer algo. Se você acompanhasse a passagem do tempo, talvez ele não passasse. Eu me lembro do prato intocado aquela tarde. Seria bom ou mau sinal? E foi bom, foi tão boa aquela refeição não comida, como foram doces os sonhos não vividos. Eu fiquei de longe esperando você chegar. E jogo a isca. Eu sempre jogo a isca.

4 comentários:

Maria Cristina disse...

ih!

Como tenho falado isso pra vc hein no blog rssrsrs

Mr. G disse...

Fico c a impressão de que você escreveu se colocando no lugar de alguém.... e ficou lindo!!

Giordano disse...

Muito bom!!!

João Andrade disse...

Olá tudo bem ? Estou aqui visitando o seu blog e gostei muito do conteúdo. Procuro parcerias com outros blogs se interessar pra vc entra em contato comigo no blog ou no msn ok? CONTO TAMBÉM COM UM ESPAÇO PARA DIVULGAR OUTROS BLOGS PARA PARTICIPAR É FACIL BASTA VC ADICONAR ESSE ENDEREÇO NO SEUS CONTATOS DO MSN : group1382564@groupsim.com NESSE CHAT VARIOS BLOGUEIROS E AMIGOS DE BLOGUEIROS PARTICIPAM DIARIMENTE , PARTICIPE !!!!abraço.ACESSE: www.girodigitalnews.blogspot.com