quarta-feira, 5 de março de 2008

No pensionato

Hoje fiquei na sala de TV e havia poucas garotas lá. A maioria novata aqui no pensionato. Quem me conhece bem sabe o quanto demoro para me sentir à vontade com as pessoas. E não é com todas que isso acontece. Sempre fui de poucos, mas bons amigos. E a presença desses amigos tem que fazer bem, tem que trazer felicidade por si só. Hoje fiquei me sentindo deslocada e sozinha. Subi para o quarto andar, para ver se encontrava as meninas. Bati na porta da Ingrid e fomos pro quarto da Leilane, onde estavam Iasmine e Lu. Cheguei parecendo um cachorrinho perdido. As meninas comentaram que eu estava com o rosto vermelho e parecia com cara de choro. Aí as lágrimas começaram a correr de verdade. Primeiro as minhas, depois as de Lu e Iasmine, todas misturadas com risadas. Fiquei com elas um pouquinho. Desci me sentindo menos sozinha.

Um comentário:

Julia disse...

nossa Lian... Deve bater uma solidão às vezes né? ainda bem que vc fez amigas aí e ainda bem que sua vida é bem agitada né! acho que eu no seu lugar, sofreria bem mais...Só não me preocupo porque sei que vc sabe se cuidar. mas me liga qualquer coisa! Beijo!